Uma só aeronave para dezenas de missões

Novo helicóptero militar francês substituirá cinco modelos de aeronaves

O multimissão H160M voará nas três forças em diversos cenários e missões


O governo francês divulgou o modelo em escala real do futuro helicóptero militar do país, que será produzido pela Airbus, sobre a plataforma do multimissão H160. O programa HIL (Hélicoptère Interarmées Léger) deverá ser lançado oficialmente em 2021, um ano antes do previsto pelas autoridades.

O anuncio ocorreu durante a visita da ministra das Forças Armadas da França, Florence Parly, a Airbus Helicopters, em Marignane. O projeto prevê uma plataforma única de asas rotativas para as três forças armadas do pais, substituindo assim cinco tipos de helicópteros atualmente em serviço. Com a antecipação da entrada em serviço do modelo, substituindo especialmente aeronaves mais antigas, a França espera economizar, no primeiro ano, aproximadamente € 100 milhões apenas em manutenção operacional.

LEIA TAMBÉM

O helicóptero também recebeu seu nome oficial e será designado como Guépard, pelas forças armadas francesas. O modelo foi projetado para ser um helicóptero modular, permitindo que uma única plataforma realize múltiplas missões, desde a infiltração de comando a interceptação, apoio aéreo e guerra antinavio, atendendo a requisitos exército, marinha e força aérea, substituindo assim os Gazelle, Alouette III, Dauphin, Panther e Fennec.

O modelo é derivado do H160 civil, um helicóptero utilitário médio multimissão que uniciu as características do H145 e H175. Sendo o primeiro modelo da nova geração H da Airbus Helicopters, o H160 foi criado para atender uma ampla gama de configurações que incluem transporte marítimo, aviação executiva e privada, serviços públicos e transporte comercial de passageiros.

Conforme previsto na Lei de Planejamento Militar (LPM) de 2019-2025 da França, as primeiras entregas dos 169 H160M encomendados devem ocorrer em 2026, em vez de 2028, e inclui ainda 15 unidades a mais do que o planejado na LPM anterior.

ARMÉE DE L’AIR

Entre as atribuições previstas pela força aérea francesa está o uso em interceptações de aeronaves de baixa velocidade, missões de proteção do espaço aéreo, de reconhecimento e inteligência, além de apoio SAR

ARMÉE DE TERRE

O modelo deverá ser empregado em missões de apoio de fogo, reconhecimento armado, infiltração de forças especiais e evacuação aeromédica.

MARINE NATIONALE – AERONAVALE

A aviação naval vai utilizar o H160M em missões ASuW, proteção da Força Naval e missões de busca e resgate. O modelo ainda poderá ser armado com mísseis antinavio

 ASSINE AERO MAGAZINE COM DESCONTO

Por Edmundo Ubiratan | Fotos: Divulgação

Publicado em 31 de Maio de 2019 às 17:00


Notícias Airbus H160 Airbus Helicopters H160M