Pressão

Recado para Trump: bloquear rivais e privatizar o controle de tráfego aéreo

Reivindicações ganham impulso com a mudança de governo nos Estados Unidos


Embora Donald Trump, hoteleiro e ex-executivo de companhia aérea, falar muito sobre migrantes, fronteiras e livre comércio, ele parece não ter tomado conhecimento da bilionária indústria aeronáutica. Este enorme segmento da economia norte-americana tem algumas prioridades e reclamações que, praticamente, desapareceram durante a administração Obama, em parte, devido a embates políticos. 

Com os republicanos comandando as duas casas do Congresso, além da Casa Branca no próximo ano, as companhias aéreas estão preparadas para fazer várias reinvindicações que lhes diz respeito. A maioria dos especialistas em aviação afirma que é difícil prever a reação da administração Trump, uma vez que não deve favores à indústria aeronáutica 

Da mesma forma, não está claro se a administração Trump veria com prioridade a regulamentação do transporte aéreo, pois tudo é uma questão de prioridades e o setor dos transportes pode ser ofuscado por uma série de questões mais importantes para o Congresso. Existe ainda, um sentimento populista que não combina bem com eventuais favores prestados à indústria. Os eleitores de Trump parecem sentir que foram muito maltratados pelo “big business”.

Ernesto Klotzel

Publicado em 11 de Novembro de 2016 às 18:15


Notícias Donald Trump