Aviação Comercial

Iata e Decea criam centro de comando para estrangeiras na copa

Baseado no Rio de Janeiro, o suporte operacional será dado às 49 companhias antes, durante e depois do mundial de futebol


A Iata (Associação Internacional de Transporte Aéreo) e o Decea (Departamento de Controle do Espaço Aéreo) vão dar apoio especial às 49 companhias aéreas estrangeiras que atuam no Brasil durante a Copa do Mundo da FIFA. Como os centros de operação dessas empresas ficam em seus respectivos países, a parceria promete prover serviços de suporte para decisão operacional tática durante o evento a partir da instalação de um centro de comando nas dependências do Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA), no Rio de Janeiro.
O funcionamento do centro de comando será realizado por meio do iTOP (Portal da IATA para Operações Táticas), uma plataforma web que fornece suporte a uma mesa de ligação (liaison desk). Esta, por sua vez, permite que as empresas aéreas e o CGNA compartilhem suas operações de modo eficiente, com acesso a dados sobre o tráfego aéreo em um único portal colaborativo.
As informações poderão ser antecipadas a partir de seis horas antes do início do voo. Isso será fundamental para identificar interrupções operacionais e garantir soluções rápidas e eficientes, para apoiar o chamado Processo de Decisão Colaborativa (CDM), que busca sempre o consenso entre companhias aéreas, aeroportos e órgãos de controle de tráfego. 

Da redação

Publicado em 8 de Abril de 2014 às 16:55


Notícias Iata Decea FIFA CGNA