Rixa nas alturas

Emirados Árabes e EUA discutirão subsídios para companhias aéreas

Uma possível prática anticompetitiva das empresas do Golfo Pérsico motivou o encontro


A diretoria de aviação dos Emirados Árabes Unidos terá uma ''conversa técnica'', no mês de julho, com autoridades dos Estados Unidos em que serão discutidos os subsídios às companhias aéreas. O encontro é consequência das reclamações de empresas aéreas norte-americanas sobre suas concorrentes do Golfo Pérsico que supostamente se beneficiam de uma ajuda de bilhões de dólares dos EUA que foi negada para as três grandes companhias do país.

O presidente da Emirates, Tim Clark, afirmou estar otimista quanto a uma resolução da disputa sobre "céus abertos". Ele afirma que as companhias do Golfo Pérsico são ‘’uma força do bem, à medida que oferecem mais opções ao consumidor e, em muitos casos, elevam o padrão de serviço’’, disse Tim.

A briga entre Emirados Árabes e EUA já dura dois anos e é alimentada com acusações e réplicas envolvendo práticas anticompetitivas, embora ambas tenham evitado confrontos ‘’mais sérios’’. 

Por Ernesto Klotzel

Publicado em 30 de Junho de 2016 às 14:00


Notícias