Sobrevida ao E1

Embraer obtém acordo de US$ 1,1 bi com a United Airlines

Pedido inclui 25 novos E175 utilizados em rotas regionais nos Estados Unidos


A Embraer e a United Airlines formalizaram um pedido firme para 25 aviões E175, avaliados em US$ 1,1 bilhão, baseado no preço de tabela. O anuncio ocorreu no primeiro dia do Farnborough Airshow. A encomenda, será incluída na carteira de pedidos da Embraer do terceiro trimestre deste ano e o início das entregas está previsto para o segundo trimestre de 2019.

O anuncio ocorre dias após a jetBlue anunciar que substituirá sua frota atual de E-Jets pelos novos Airbus A220-300, anteriormente comercializados como CSeries, pela Bombardier. Porém, o pedido da United Airlines prevê a versão atual do E175, não o modelo E2, remotorizado.

Incluindo este novo contrato, a Embraer vendeu mais de 400 unidades do E175 para companhias aéreas na América do Norte desde janeiro de 2013, obtendo mais de 80% do total de pedidos no segmento de jatos de 70 a 76 assentos. Parte do sucesso se deve a restrição do uso de aviões a jato com mais de 70 assento por parte das empresas regionais dos Estados Unidos, o que torna o modelo o único da categoria.

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 16 de Julho de 2018 às 16:00


Notícias Embraer E-Jet E2 United Airlines