Crescimento garantido

Embraer encerra o primeiro trimestre com 22 entregas

Carteira de pedidos firmes totalizou 14,2 bilhões de dólares no período


Embraer E195 E2 da KLM

KLM se tornou um dos principais clientes dos novos E-Jet E2

A Embraer anunciou hoje (27), um total de 22 aeronaves no primeiro trimestre de 2021, sendo nove comerciais e treze aviões de negócios. A carteira de pedidos firmes foi de US$ 14,2 bilhões (R$ 77 bilhões), matendo um total ainda positivo em todos os segmentos civis.

Dentre as aeronaves comerciais, duas são do E175 de primeira geração, duas do 190-E2 e cinco 195-E2. Entre os jatos de negócios foram nove Phenom 300, dois do Praetor 600, um do Phenom 100 e um do Praetor 500.

O fabricante destacou o primeiro E195-E2 da regional holandesa KLM Cityhopper, entregue em 23 de fevereiro. O acordo foi formalizado por meio de uma empresa de arrendamento mercantil (leasing), elevando para cinquenta o número de aeronaves da Embraer operadas pelo grupo KLM.

Outro importante acordo foi a entrega do primeiro E195-E2 da Air Peace, a maior companhia aérea da Nigéria e do Oeste da África. A companhia nigeriana se tornou a primeira operadora da nova família E-Jet E2 na África, sendo também a empresa lançadora, em nível global, dos assentos escalonados da Embraer.

A empresa também entregou a primeira conversão de um Legacy 450 para o padrão Praetor 500, que será operado pela canadense AirSprint Private Aviation. 

Para os próximos meses, há 272 pedidos firmes a serem entregues na aviação comercial, sendo a maioria dos modelos E175 e E195-E2, com cerca de 130 unidades, cada.

Por Marcel Cardoso

Publicado em 27 de Abril de 2021 às 09:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Embraer E-Jet E2 Praetor 500 Phenom 300 Legacy KLM Air Peace