Aviação Comercial

Delta Air Lines encomenda 40 novos aviões

Acordo com a Boeing inclui 20 737-900ER e 20 Embraer 190


A Delta Air Lines anunciou que receberá até 40 novos aviões nos próximos anos, sendo 20 Embraer 190 e 20 Boeing 737-900ER adquiridos por meio de um acordo com a Boeing Company.

O anúncio ocorre meses após a companhia cancelar a compra das aeronaves após o fracasso inicial de um acordo trabalhista com seus pilotos. Os aviões da Embraer fazem parte de uma encomenda da Boeing, que os repassará a Delta Air Lines num acordo de leasing.

A Delta Air Lines tem renovado sua frota e espera ampliar sua capacidade e eficiência com os novos 737-900ER ao mesmo tempo que atualiza sua frota regional com os E190 reduzindo assim a utilização de aeronaves regionais de menor capacidade. O pedido ofereceu à Delta razões econômicas mais convincentes em comparação a um anteriormente cancelado que também incluiu jatos E190 com a Boeing.

Os aviões da Embraer devem chegar a frota da empresa no início de 2017, enquanto os Boeing 737-900ER são previstos para 2019, elevando o total da frota da Delta para 120 aeronaves do modelo.

Da redação

Publicado em 21 de Dezembro de 2015 às 16:00


Notícias Delta Air Lines Boeing Embraer E-Jet 737-900ER