Infraestrutura

Brasil deverá investir até R$ 57 bilhões em aeroportos

Montante deverá ser aplicado até 2020, segundo ABEAR


Um estudo da ABEAR (Associação Brasileira das Empresas Aéreas) mostra que até 2020 o governo brasileiro, em parceria com a iniciativa privada, terá de investir até R$ 57 bilhões em melhorias e ampliação da infraestrutura aeroportuária. Esse é o montante para atender satisfatoriamente o crescimento da demanda do transporte aéreo, que deverá dobrar até o final da década.

Segundo a ABEAR, a maior parte dos investimentos, entre R$ 17 bilhões a R$ 24 bilhões, deve ser destinada aos 20 maiores aeroportos do Brasil enquanto aeroportos secundários devem receber até R$ 4 bilhões em investimentos. Porém, para atender à demanda regional, deverão ser criados novos aeroportos, especialmente em cidades de médio porte, o que deve demandar investimentos de até R$ 29 bilhões.

O crescimento da aviação brasileira, caso passe incólume pelas eventuais crises econômicas, deverá inserir o país num patamar próximo ao europeu, exigindo também investimentos maciços na melhoria e modernização do tráfego aéreo.

Da redação

Publicado em 21 de Fevereiro de 2014 às 15:25


Notícias ABEAR