Boas notícias

Boeing recebe encomenda para catorze 737 MAX

Empresa de leasing irlandesa ampliou seu portfólio com o modelo para 121 aeronaves


Boeing 737 MAX

Renovação da frota global ocorre enquanto setor se prepara para forte retomada nos próximos meses

A Boeing obteve mais um contrato firme para o 737 MAX, com a companhia irlandesa de arrendamento Smbc Aviation Capital encomendando catorze aviões.

O pedido, apoiado por um banco japonês, ocorre em uma estratégia de preparação para a forte recuperação da demanda em viagens aéreas projetada para os próximos meses. Com esta adição, o portfólio da família 737 MAX na Smbc Aviation será de 121 aeronaves.

No primeiro trimestre, a Smbc negociou treze 737 MAX, sendo onze deles para a norte-americana Southwest Airlines e dois para a britânica TUI. Esta última sendo a primeira companhia aérea europeia a receber o modelo após a sua retomada operacional, que ocorreu no final de 2020.

“Estamos satisfeitos por concluir um acordo com a Boeing para a compra de catorze aeronaves 737 MAX configuradas para transportadoras de baixo custo [low cost]. Um avião que estamos vendo um aumento na demanda dos clientes após seu retorno bem-sucedido ao serviço”, comentou Peter Barrett, CEO da Smbc Aviation Capital.

Recentemente a Alaska Airlines, United Airlines e a Southwest Airlines, três das principais companhias aéreas dos Estados Unidos, fizeram pedidos que somados chegam aos 237 aviões da família 737 MAX.

O modelo está retomando suas operações normais, ainda que tenha enfrentado alguns contratempos relacionados com o aterramento elétrico, que exigiu uma revisão emergencial.

Por Marcel Cardoso

Publicado em 25 de Maio de 2021 às 12:00


Notícias notícias de aviação aeronave avião aviação Boeing 737 737 MAX Southwest Alaska Airlines United Airlines TUI Smbc