Solução barata e simples

Bases aéreas vão operar voos civis nos Estados Unidos

Projeto busca ampliar ainda mais a capacidade aeroportuária do país e reduzir gargalos de tráfego


Kelly Field, em Santo Antonio

Companhia tem dez unidades do maior modelo da Airbus em sua frota | Foto: Port San Antonio

Três bases militares e aeroportos regionais nos Estados Unidos foram escolhidos para adicionar operações civis, ampliando assim a já ampla rede aeroportuária do país. O projeto faz parte do Programa de Melhoria Aeroportuária (AIP, na sigla em inglês) que fornece uma série de subsídios federais para órgãos públicos e empresas privadas que atendam o do atual programa de desenvolvimento de aeroportos.

Foram eleitos para o projeto o terminal regional de Kelly Field, em San Antonio, Texas (SKF); Mobile Downtown, em Mobile, Alabama (BFM), onde ficava a antiga base aéreia de Brookley; e Salina, no Kansas (SLN), onde ficava a antiga base aérea de Schilling.

A análise do potencial dos futuros aeroportos comerciais foi aprovada pela FAA, a agência de aviação civil dos Estados Unidos, junto ao Departamento de Transportes.

O programa está inserido no Plano Nacional de Sistemas Aeroportuários Integrados (NPIAS), que planeja ampliar o crescimento econômico regional através da integração aérea.

Kelly Field, em Santo Antonio

Kelly Field, em Santo Antonio, é uma das bases de apoio da força aérea dos EUA | Foto: Port San Antonio 

Além disso, o projeto também deverá auxiliar na manutenção da estrutura aeroportuária, compartilhada com a base aérea, reduzindo os custos e pressão orçamentária no Pentágono.

“O Programa de Aeroportos Militares é uma maneira inovadora e fiscalmente responsável de ajudar a melhorar as instalações militares anteriores e torná-las um importante motor econômico para suas comunidades”, disse Shannetta Griffin, administradora associada de aeroportos da FAA.

A intenção das autoridades é utilizar a ampla capacidade existentes em bases aéreas, com baixa movimentação militar, para aumentar a infraestrutura aeroportuária, permitindo uma redução do congestionamento em grandes aeroportos, ao mesmo tempo que oferece uma menores custos e riscos para os cofres púbicos.

  • Receba as notícias de AERO diretamente das nossas redes sociais clicando aqui

Por Edmundo Ubiratan

Publicado em 2 de Novembro de 2021 às 13:48


Notícias notícias de aviação aeronave avião USAF aeroportos aviação field Texas Pentágono base aérea