Notícias

Da redação em 6 de Dezembro de 2011 às 12:53

Concessões adiadas
Os leilões que definiriam as concessionárias responsáveis pelas obras de melhoria e ampliação dos aeroportos de Guarulhos (SP), Campinas (SP) e Brasília (DF), marcados para 22 de dezembro, foram adiados para março de 2012. A alteração na data se deu por conta da demora da análise técnica do Tribunal de Contas da União (TCU), sem data para ser entregue. O governo alega ter montado uma força-tarefa com 27 funcionários para trabalhar nos ajustes finais do edital de licitação. Após a aprovação do TCU, haverá prazo de 45 dias para a apresentação das propostas, antes que os leilões sejam realizados. Os estudos foram entregues ao tribunal pelo governo em outubro último. No entanto, as regras para a exploração dos aeroportos pelas concessionárias só foram definidas em novembro. Guarulhos entrega um novo terminal no dia 20. Já o tão aguardado terminal 3 deverá esperar até a escolha da concessionária, por leilão, em 2012.

Embraer

Embraer em Belo Horizonte
O governo de Minas Gerais assinou acordo com a Embraer para a abertura de um escritório de engenharia no estado, a se instalar inicialmente no Aeroporto de Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte. O escritório empregará cerca de 100 engenheiros até o final de 2012. Os cargos estão relacionados a desenvolvimento de projetos, produtos e serviços para o setor aeronáutico e de defesa e segurança. A perspectiva é a de que, em 2013, o escritório se transfira para o complexo do Centro de Capacitação de Tecnologia Aeroespacial (CCTA), em Lagoa Santa (MG).

Boeing

Lion Air encomenda 230 Boeing 737
A companhia aérea low-cost Lion Air, da Indonésia, fechou contrato em novembro para a aquisição de 230 unidades de Boeing 737, além de outras 150 opções de compra. No pedido estão incluídos 200 exemplares do novo 737 MAX. Em valor superior a US$ 21 bilhões, esse é o maior contrato de venda de aeronaves da história da companhia. Curiosamente, uma semana antes do acordo, a fabricante norte-americana havia anunciado a maior venda da história ao negociar 50 unidades do 777-300ER com a Emirates, avaliada em US$ 18 bilhões.

Rodrigo Cozzato

Proteção contra falência
A AMR Corporation, controladora das empresas American Airlines e American Eagle, entrou no fim de novembro com pedido de concordata, com base no Capítulo 11 do Código de Falência dos Estados Unidos. A AMR acumula uma dívida total de US$ 29,6 bilhões. Agora, a empresa, que tem 87 mil empregados e diversos contratos de leasing de aviões, deverá anunciar cortes de gastos. O maior entrave será a negociação com os sindicatos, especialmente de pilotos, considerado um dos mais fechados e conservadores naquele país. Para cortar US$ 600 milhões do orçamento, a empresa terá de rever gastos com aposentadorias e pensões. Outro ponto delicado é o cancelamento de parte dos contratos para compra e leasing de aviões, que afetará fortemente a competitividade. A AMR, porém, anunciou que deverá manter sua encomenda de 460 aviões de corredor único à Boeing e à Airbus, avaliada em US$ 38 bilhões. A renovação da frota é fundamental para redução de até 35% nos seus atuais gastos com combustível. Ainda segundo a American, a malha aérea e o programa de milhagens seguem inalterados.

#Q#

Trip recebe seu primeiro ATR 72-600
A Trip Linhas Aéreas recebe seu primeiro ATR 72-600 de um total de 40 encomendas. São 18 pedidos firmes e outras 22 opções de compra. O novo turbo-hélice, de fabricação franco-italiana, mantém as características do antecessor, o -500, porém, com novo padrão de assentos e bagageiros, mais amplos. Para os pilotos, oferece todos os instrumentos de voo reunidos em telas de LCD, conceito conhecido como glass cockpit. A nova aeronave tem capacidade para transportar 68 passageiros. Hoje, a Trip opera 49 aeronaves e espera encerrar o ano com 54.

TAM acrescenta mais um A319 à frota
A TAM Linhas Aéreas integrou em novembro último mais um Airbus A319 à sua frota. Agora, a empresa, composta de 154 aeronaves, tem 30 A319, 86 A320, 9 A321, 20 A330 e 2 A340, além de quatro Boeing 777-300ER e três 767-300. A companhia receberá mais dois A320 até o fim do ano e encerrará 2011 com 156 aeronaves, conforme plano de frota. No setor cargueiro, a TAM Cargo completou 15 anos de operações e marcou a data com o lançamento de uma reestruturação em seu site. O novo layout oferece maior interatividade e ficou mais intuitivo para a solicitação de serviços.

Cardápio especial para o calor
Na contramão dos menus a bordo, cada vez mais enxutos, a Avianca inova e acrescenta ao seu serviço wraps e sorvetes. Todos os voos da ponte aérea Congonhas-Santos Dumont terão o Wrap & Ice Day, oferecido a partir das 11h, até o final de dezembro. "Numa época em que se cortam ao máximo os gastos no atendimento ao passageiro, apostamos em oferecer sempre um 'algo a mais'", afirma o presidente da Avianca, José Efromovich.

Rodrigo Cozzato

Pluna integra 13º CRJ-900
A companhia aérea uruguaia Pluna recebeu em novembro seu 13º Bombardier CRJ-900. Registrado CX-CRN, a aeronave teve recepção de gala - sua chegada coincidiu com as comemorações de 75 anos de fundação da empresa. O novo avião recebeu a tradicional pintura da Pluna no esquema vermelho. O CRJ-900 está configurado para transportar 90 passageiros e opera em nove cidades brasileiras.

TIME TABLE

Gol terá mais voos no verão...
A Gol reforça a operação entre Brasil e Bolívia a partir de dezembro. Será um voo diário ligando São Paulo a Santa Cruz de La Sierra. A partir de março do ano que vem, serão seis voos semanais. A empresa também aumenta voos para o Nordeste nas operações em code-share com a Passaredo. As cidades atendidas são Fortaleza e Juazeiro do Norte (CE), e Rondonópolis e Cuiabá (MT). Já na alta temporada do verão, a Gol cria frequências extras para Florianópolis e Navegantes (SC), Porto Alegre (RS) e Buenos Aires, na Argentina.

...e a Azul também
A Azul Linhas Aéreas acompanha a tendência de aumento de frequências de voo aos destinos turísticos diante da grande procura na alta temporada de fim de ano e férias escolares. Entre os trechos contemplados estão Campinas (SP) e Florianópolis (SC), Recife (PE), Ilhéus (BA), Aracaju (SE) e Natal (RN). Para 2012, a Azul pretende ampliar suas rotas regionais. Chapecó (SC) e Ipatinga (MG) são dois dos destinos em que a companhia solicitou autorização para operar.

Primeiro A320 da Avianca
O primeiro Airbus A320 da empresa, matriculado PR-AVP, entrou na malha em 9 de dezembro na rota Porto Alegre-Recife, com escalas em São Paulo e Brasília. As outras três encomendas devem ser recebidas ainda este ano. Em novembro, a Avianca iniciou a frequência Rio-Bogotá. São três voos semanais, às segundas, quartas e sábados.

Venezuela via Panamá
A Copa passa a oferecer voos para a Venezuela com conexão no Panamá. São três voos diários saindo de São Paulo (SP), cinco semanais de Belo Horizonte (MG), quatro semanais de Brasília (DF), um diário e outros cinco semanais do Rio de Janeiro (RJ) e quatro semanais de Manaus (AM). Da Cidade do Panamá, os voos partem com destino a Caracas, Maracaíbo e Valência.


Aviação Comercial

Artigo publicado nesta revista


Airbus, Nova Rival da Embraer

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano

Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 216,00R$ 432,00R$ 216,00R$ 216,00
Assine Agora porR$ 172,80R$ 302,40R$ 56,70R$ 56,70
Desconto
EconomizaR$ 43,20R$ 129,60R$ 159,30R$ 159,30
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 57,60 6x R$ 50,40
Assinando agora você GANHA também CHAVEIRO PORTA COPOS
Airbus, Nova Rival da Embraer

Alguns valores poderão variar dependendo da cotação do dólar

Receba o boletim AERO Magazine

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas