United Airlines

United Airlines começará a operar o Boeing 777-300ER em seus voos a Hong Kong

Primeiro voo será realizado em março

Santiago Oliver em 15 de Dezembro de 2016 às 17:04

 

United Airlines introduzirá o Boeing 777-300ER em seus voos a Hong Kong em março, um mês depois que a aeronave entrar em serviço nos hubs de Newark e San Francisco. 

A companhia aérea colocará em serviço este avião de 366 assentos nos voos diários entre San Francisco e Hong Kong substituindo o Boeing 747-400 de 374 assentos que utiliza atualmente.

O 777-300ER é o primeiro avião da frota de United em oferecer sua nova poltrona Polaris. A cabine conta com 60 assentos que viram camas em uma configuração 1+2+1.

De acordo com porta-voz da companhia, “com a classe executiva United Polaris estamos oferecendo novos restaurantes, novos serviços, a primeira sala United Polaris no Aeroporto Internacional de Chicago O’Hare, e agora este novo assento personalizado”. 

United planeja abrir uma sala Polaris de classe executiva no Aeroporto Internacional de San Francisco em 2017, contudo, não estará aberto para o lançamento do produto a bordo no próximo mês de março. 

A entrega dos primeiros Boeing 777-300ER da companhia está prevista para o próximo dia 21, e os próximos 13 aviões encomendados serão entregues em 2017.


Aviação Comercial United Airlines Polaris Business Class Boeing 777-300ER

23 anos - Ensaios em voo

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano

Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 202,80R$ 405,60R$ 202,80R$ 202,80
Assine Agora porR$ 172,80R$ 302,40R$ 119,96R$ 119,96
Desconto
EconomizaR$ 30,00R$ 103,20R$ 82,84R$ 82,84
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 54,08 6x R$ 47,68
Assinando agora você GANHA também CHAVEIRO PORTA COPOS
23 anos - Ensaios em voo

Alguns valores poderão variar dependendo da cotação do dólar



Receba o boletim AERO Magazine

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas