Infraestrutura

Leilões de aeroportos rendem R$ 24,5 bi ao governo

Cumbica, Viracopos e Brasília serão comandados por investidores nacionais e estrangeiros


Os aeroportos de Cumbica e Viracopos (SP), e o de Brasília (DF), foram leiloados na manhã de hoje (6/2) na Bovespa, em São Paulo. Juntos, os três aeroportos foram arrematados por R$ 24,5 bilhões, quase cinco vezes mais do que o valor mínimo estipulado pelo governo, que era de R$ 5,5 bilhões. Investidores nacionais e estrangeiros formarão as concessionárias que controlarão os aeroportos. Cumbica foi arrematado por R$ 16,213 bilhões pelo consórcio Invepar, com a sul-africana ACSA (Airports Company South Africa). Viracopos rendeu R$ 3,821 bilhões. O responsável pela concessão é o consórcio Aeroportos Brasil. Por fim, o valor da concessão de Brasília foi de R$ 4,501 bilhões, e estará sob o comando do consórcio Inframerica Aeroportos. Basicamente, os investidores terão como missão acelerar o desenvolvimento e as obras dos aeroportos, principalmente para a Copa do Mundo de 2014.

Da Redação

Publicado em 6 de Fevereiro de 2012 às 12:53


Notícias