Aviação Militar

Suíça deve convocar plebiscito para a compra do Gripen NG

Parlamento acredita que referendo ocorrerá em maio


 

As autoridades da Suíça acreditam que o referendo sobre a compra dos 22 Gripen NG pela Força Aérea deverá ser realizado em maio. O plebiscito foi autorizado após grupos políticos contrários à compra do avião terem colhido mais de 100 mil assinaturas no país. O movimento é liderado por membros de partidos de esquerda e grupos antimilitaristas que contestam a lei que autorizou o uso de mais de US$ 3,4 bilhões do orçamento militar do país para a compra de novos aviões de caça. Entre os argumentos está o fato de o avião não existir, sendo apenas um projeto. De acordo com as leis da Suíça, caso seja obtido um valor mínimo de assinaturas, o país deve convocar um plebiscito para definir qualquer tema que seja de interesse público. De acordo com os principais jornais da Suíça, a maior parte dos cidadãos se opõe ao projeto. 

Da redação

Publicado em 22 de Janeiro de 2014 às 13:03


Notícias 22 Gripen NG