Aviação comercial

Qantas cancela pedidos de 787

Contrato de US$ 8,5 bilhões previa a entrega de 35 unidades do Dreamliner


A companhia aérea australiana Qantas anunciou o cancelamento de uma encomenda para a compra de 35 Boeing 787, negociação avaliada em US$ 8,5 bilhões. A empresa alega a redução das operações internacionais, o gasto com combustível e um prejuízo de US$ 254,8 milhões no ano fiscal encerrado em 30 de junho último para a tomada da decisão. Esse foi o maior cancelamento sofrido pela Boeing com seus Dreamliner, que terá ainda de pagar US$ 300 milhões à Qantas pelos atrasos no desenvolvimento do 787. O mercado parece ter visto com bons olhos a desistência, uma vez que as ações da Qantas tiveram alta após o anúncio e atingiram o maior nível em quase três meses.
Da Redação

Publicado em 28 de Agosto de 2012 às 11:22


Notícias

Artigo publicado nesta revista

Titulo

AERO Magazine 219 · Agosto/2012 · Titulo