Redenção

O 767 pode voltar a ser produzido?

Descontinuado a três anos, versão de passageiros do avião da Boeing é um dos principais aviões da frota da United e não tem substituto

Por Ernesto Klotzel e Edmundo Ubiratan em 10 de Novembro de 2017 às 09:00

O mercado tem acompanhado com atenção as negociações da United Airlines para substituição da sua frota de Boeing 767. O modelo, que é um dos principais aviões da frota da companhia aérea norte-americana, voando tanto voos domésticos de elevada densidade como voos internacionais, não encontrou um substituto viável.

O Boeing 767, em sua versão de passageiros, foi descontinuado há 3 anos, deixando vago o mercado que ocupa. Embora o 787 Dreamliner tenha sido concebido para preencher essa lacuna deixada pelos veteranos 767, sua capacidade e seu alcance acabaram superando as necessidades para alguns operadores.

A United Airlines não confirma a movimentação, mas existe a possibilidade de a Boeing retomar a produção do 767-300, em sua versão de passageiros. A linha de produção atual é dedicada à versão cargueira e à militar, esta última encomendada pela força aérea dos Estados Unidos.


Notícias Boeing 767 United


Airbus, Nova Rival da Embraer

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano

Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 216,00R$ 432,00R$ 216,00R$ 216,00
Assine Agora porR$ 172,80R$ 302,40R$ 56,70R$ 56,70
Desconto
EconomizaR$ 43,20R$ 129,60R$ 159,30R$ 159,30
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 57,60 6x R$ 50,40
Assinando agora você GANHA também CHAVEIRO PORTA COPOS
Airbus, Nova Rival da Embraer

Alguns valores poderão variar dependendo da cotação do dólar

Receba o boletim AERO Magazine

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas