Aviação de Negócios

Frota brasileira da aviação de negócios cresce 3% em 2014

Dados apresentados pela ABAG revelam que a região Sul registrou maior crescimento

Da redação em 18 de Agosto de 2015 às 15:00

Ao longo de 2014, a frota de aeronaves da aviação geral cresceu 3%, chegando a marca de 15.120 aeronaves. Os dados fazem parte do Anuário Brasileiro de Aviação Geral 2015 lançado pela ABAG (Associação Brasileira de Aviação Geral).

 De acordo com o anuário, a região Sul foi a que apresentou maior crescimento da, com 5,5%, seguido pelo Centro-Oeste com 5,1%. O Sudeste, tradicionalmente o maior mercado de aeronaves do país, registrou o menor crescimento absoluto em número de aeronaves, com alta de 1,8% em comparação a 2013.  Em todo país, foram incorporados à frota 197 novas aeronaves convencionais do serviço aéreo privado. Embora na ´última década o país tenha recebido uma quantidade significativa de aeronaves novas, atualmente 34% da frota possui idade entre 21 a 40 anos. O valor estimado da frota de aeronaves de negócio do Brasil foi avaliada US$ 12,7 bilhões.

O número de operações – pousos e decolagens, registrou queda de 7% em 2014 em relação ao ano anterior, com mais de 686 mil operações contra 739 mil de 2013. O registro leva em conta os 33 principais aeroportos do país e representam principalmente os voos de serviço privado, táxi aéreo e instrução. O chamado serviço aéreo privado responde por nada menos que 47% das operações em 2014. Parte dessa queda na movimentação está relacionada as restrições de voo durante a Copa do Mundo da Fifa, que praticamente manteve no ar apenas as aeronaves da aviação comercial.

 O levantamento feito pela Abag revela ainda que 38% das operações do setor é feita por helicópteros, os aviões convencionais a pistão representem 30%, os turboélices 14%, os jatos, 18% e os anfíbios 0,3%. Ao todo, as operações de 2014 conectaram 2.768 aeródromos no Brasil e no mundo, reiterando a importância econômica da aviação de negócios para o desenvolvimento do Brasil. 

Mais de 61% dos aeródromos conectados são de propriedade privada e dentre todos o que mais realizou pousos e decolagens para a aviação geral no ano passado foi o Campo de Marte, em São Paulo (SP).


Notícias ABAG


Airbus, Nova Rival da Embraer

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano

Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 216,00R$ 432,00R$ 216,00R$ 216,00
Assine Agora porR$ 172,80R$ 302,40R$ 56,70R$ 56,70
Desconto
EconomizaR$ 43,20R$ 129,60R$ 159,30R$ 159,30
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 57,60 6x R$ 50,40
Assinando agora você GANHA também CHAVEIRO PORTA COPOS
Airbus, Nova Rival da Embraer

Alguns valores poderão variar dependendo da cotação do dólar

Receba o boletim AERO Magazine

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas