Tecnologia coreana

Coreia do Sul pretende desenvolver tecnologias aeronáuticas-chave dentro de dez anos

Investimentos vultosos dos setores público e privado para chegar à ambiciosa meta

Por Ernesto Klotzel em 20 de Abril de 2017 às 13:23

Os setores público e privado da Coréia do Sul estabeleceram como meta o desenvolvimento independente de tecnologias-chave como motores aeronáuticos e eletrônicos dentro de 10 anos. Para tanto, será investido cerca de 1,8 trilhão de wons em cinco anos.

Em 19 de abril o Ministério de Comércio, Indústria e Energia (MOCIE) promoveu um encontro em Seul com a finalidade de anunciar a estratégia para o desenvolvimento da indústria aeronáutica ao longo da 4ª era da “revolução industrial”.

O Ministério propôs três diretrizes para tornar a Coreia do Sul uma potência aeronáutica: dominar futuros núcleos tecnológicos como de motores, aviônicos e materiais leves, a expansão em mercados globais e criar novos mercados e um ecossistema que reúna todas as capacidades do país.

Até 2025, a Coréia do Sul estará em condições de desenvolver uma tecnologia própria para motores e aviônicos bem como novos materiais leves. O coroamento do ambicioso programa será o lançamento de um protótipo em 2022.


Notícias Coreia do Sul

Le Bourget

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano

Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 216,00R$ 432,00R$ 216,00R$ 216,00
Assine Agora porR$ 172,80R$ 302,40R$ 56,70R$ 56,70
Desconto
EconomizaR$ 43,20R$ 129,60R$ 159,30R$ 159,30
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 54,08 6x R$ 47,68
Assinando agora você GANHA também CHAVEIRO PORTA COPOS
Le Bourget

Alguns valores poderão variar dependendo da cotação do dólar



Receba o boletim AERO Magazine

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas