Aviação Geral

Companhias aéreas auxiliam transplantes no Brasil

Nos últimos três meses de 2012, quase 1.800 itens, entre órgãos, tecidos e equipes médicas, foram transportados em 1.155 voos

Da redação em 19 de Fevereiro de 2013 às 13:30

Divulgação As principais companhias aéreas brasileiras realizam 98% do transporte de órgãos humanos e equipes médicas no país. De acordo com a Central Nacional de Transplantes (CNT) do Ministério da Saúde, nos três últimos meses de 2012, 1791 itens - entre órgãos, tecidos, recipientes vazios especiais e equipes médicas - foram transportados em 1.155 voos. As companhias Avianca, Azul, Gol e TAM fizeram 1.131 voos, sem custo, carregando aproximadamente 1.758 desses itens. A Força Aérea Brasileira transportou os demais itens. A Central Nacional de Transplante, que funciona sem interrupção no aeroporto de Brasília, articula e coordena as unidades de transferências de órgãos e tecidos. As aeronaves que fazem esse transporte ganham prioridade de pouso e decolagem, agilizando a entrega do material às equipes médicas competentes. No caso de transplantes de coração e pulmão, por exemplo, o intervalo entre a retirada do órgão e a cirurgia deve ser de até quatro horas.

Notícias


Airbus, Nova Rival da Embraer

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano

Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 216,00R$ 432,00R$ 216,00R$ 216,00
Assine Agora porR$ 172,80R$ 302,40R$ 56,70R$ 56,70
Desconto
EconomizaR$ 43,20R$ 129,60R$ 159,30R$ 159,30
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 57,60 6x R$ 50,40
Assinando agora você GANHA também CHAVEIRO PORTA COPOS
Airbus, Nova Rival da Embraer

Alguns valores poderão variar dependendo da cotação do dólar

Receba o boletim AERO Magazine

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas