Aviação comercial e transporte aéreo

Da redação em 23 de Janeiro de 2012 às 10:06

Rodrigo Cozzato

AZUL COMEÇA A DEVOLVER ATRs
A Azul Linhas Aéreas anunciou a devolução do primeiro ATR 727-200, matrícula PR-AZT (foto). Os outro sete -200 serão devolvidos gradualmente à medida que a empresa for recebendo os novos -600 – a Azul comprou 30 turbo-hélices com outras 10 opções de compra e é a segunda companhia aérea do mundo a operá-lo. Os ATRs são usados em rotas regionais de até 700 quilômetros. Mais confortáveis para passageiros e tripulantes, têm modernos sistemas de navegação.

A380 DANIFICADO DA QANTAS VOLTA EM MARÇO
O A380 da Qantas, matrícula VH-OQA, que foi seriamente danificado em novembro de 2010, volta a voar em março próximo. A aeronave teve danos estruturais após pequenas partes do motor terem se soltado e atingido a fuselagem. Os pilotos fizeram um pouso de emergência em Cingapura; ninguém ficou ferido. De acordo com a Qantas, a manutenção da aeronave custou aproximadamente US$ 139 milhões, pagos pelo seguro. À época, a falha ocorrida foi atribuída à construção dos motores Rolls-Royce Trent 900, o que forçou a companhia aérea australiana a “groundear” os seus A380 até que os problemas fossem resolvidos em toda a frota.

2011, O ANO MAIS SEGURO PARA A AVIAÇÃO
De acordo com a Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata), 2011 foi o ano mais seguro para o transporte aéreo mundial. Até 30 de novembro último, foram registrados 22 acidentes com 486 vítimas fatais. No mesmo período de 2010, foram 23 acidentes com 786 mortes. Em 2006, 855 pessoas morreram em 20 acidentes. Segundo a Iata, todas as regiões, incluindo a África (historicamente a região mais perigosa para a aviação), tiveram queda proporcional no número de fatalidades, com exceção da Rússia e dos países relacionados à Comunidade dos Estados Independentes (CEI), as ex-repúblicas soviéticas. A Iata contabiliza dados desde 1945, mas só começou a divulgá-los a partir de 2001. Ao todo, 240 companhias aéreas integram a associação, operando em 118 países – responsáveis por 84% de todo o tráfego aéreo mundial.

Rodrigo Cozzato

MAIS GANHOS COM SINERGIAS
Tam e Lan esperam ganhar mais do que o estimado originalmente com as sinergias estabelecidas entre ambas após a criação da Latam. Elas estimam aumentar o resultado operacional anual do grupo para até US$ 700 milhões, antes de depreciação e impostos, em um prazo de quatro anos após a conclusão da transação. A nova previsão representa um aumento de mais de 50% sobre a estimativa inicial de sinergias, que era de US$ 400 milhões por ano. Segundo as empresas, cerca de 40% das sinergias potenciais serão geradas pelo aumento das receitas com o negócio de passageiros, 20% do incremento de receitas com o negócio de cargas e os restantes 40% provenientes da redução de custos. A TAM incorporou dois Airbus A320 à sua frota e encerrou 2011 com 156 aeronaves. Os dois jatos são equipados com o sistema OnAir de conectividade a bordo. Com ele, o passageiro pode usar o telefone celular para fazer ligações, enviar ou receber mensagens ou dados, bem como o acesso à internet com aparelhos do tipo smartphone.

Boeing

AIR FRANCE-KLM ENCOMENDA 25 BOEING 787
O grupo Air France-KLM confirmou a encomenda de 25 unidades do Boeing 787-9, com outras 25 opções de compra. Um acordo preliminar havia sido fechado em setembro passado, mas só em janeiro as empresas anunciaram a negociação. O 787-9 é um pouco maior que o 787-8, com capacidade para até 290 passageiros e alcance superior a 15 mil quilômetros. Com o pedido da Air France-KLM, a Boeing registra agora 860 encomendas dos 787-8 e -9 para 59 clientes diversos.

Airbus | Boeing

AIRBUS E BOEING ENTREGAM AVIÕES Nº 7.000
A Airbus encerrou 2011 com a entrega de seu avião de número 7.000. Trata-se de um A321, que voará com as cores da companhia norte-americana US Airways, a maior operadora de Airbus do mundo. Ao todo, o fabricante francês tem mais de 8.200 aviões da família A320 encomendados e cerca de 4.900 entregues para mais de 340 clientes ao redor do mundo. Coincidência ou não, a Boeing alcançou uma marca idêntica à da Airbus. Não de números absolutos, mas, sim, o 737 de número 7.000, entregue à Flydubai. Um grande marco para a fabricante norte-americana e uma comprovação do sucesso da família 737, que surgiu nos anos 1960.

#Q#
Rodrigo Cozzato

PRIMEIRO VOO EXCLUSIVO DE CARGA DA TRIP
A Trip Linhas Aéreas realizou o primeiro voo fretado exclusivamente de cargas. Decolando de Campinas (SP) e com destino a Porto Alegre (RS), a aeronave levou um carregamento de revistas. A Trip Cargo foi lançada em julho de 2011 e encerrou o ano com 60 bases de atendimento. O desafio da companhia agora é usar os ATR-42 e -72 para o quick-change em operações dedicadas nos horários ociosos dos aviões. Por ser a maior empresa aérea regional do país, a Trip Cargo espera oferecer o serviço de cargas nas principais bases onde opera.

DENÚNCIA DE OCORRÊNCIAS COM LASER
O Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) disponibilizará este ano, em sua página na internet, um formulário específico para que aeronautas registrem ocorrências que envolvam laser. Em 2011, o centro registrou 250 casos, número quatro vezes maior do que o de 2010. A “brincadeira” tem se espalhado por aeroportos de todo o país. Até novembro do ano passado, foram registradas 38 ocorrências em Londrina (PR), nove em Navegantes (SC) e outras nove em Fortaleza (CE). Mais informações em www.cenipa.aer.mil.br.

TIME TABLE

300 VOOS EXTRAS NO CARNAVAL
A Azul Linhas Aéreas solicitou à Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) 300 voos extras partindo de Viracopos (SP) para os destinos mais procurados durante o Carnaval, que são: Florianópolis e Navegantes (SC), Rio de Janeiro (RJ), Salvador, Ilhéus e Porto Seguro (BA), Maceió (AL), Natal (RN), Fortaleza (CE) e Recife (PE).

WEBJET COM 737-800
A Webjet começou a operar com dois Boeing 737-800 que anteriormente estavam na frota da Gol. As aeronaves voarão diariamente na rota Fortaleza (CE) – Porto Alegre (RS), com escalas em Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ) e Curitiba (PR).

EMIRATES CHEGA AO RIO
Desde 3 de janeiro, a Emirates, que já operava em Guarulhos (SP), começou a voar também para o Rio de Janeiro, no Aeroporto Internacional Galeão-Tom Jobim. Os voos para a capital fluminense são diários, nos Boeing 777-300ER, com oito suítes privadas na primeira classe, 42 lugares na classe executiva e 304 na classe econômica. O destino final do voo é Buenos Aires, na Argentina.

TURKISH NA CAPITAL PORTENHA
Para aproveitar o aumento de frequências para o Brasil, a Turkish Airlines pretende começar a “esticar” seu voo entre Istambul e São Paulo até Buenos Aires. A empresa, que atualmente opera essa rota em codeshare com a TAM, pretende oferecer passagens também aos brasileiros, com partidas de São Paulo. A nova rota está em estudo pela agência argentina de aviação e ainda não tem data para entrar em operação.


Notícias

Artigo publicado nesta revista


Airbus, Nova Rival da Embraer

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano

Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 216,00R$ 432,00R$ 216,00R$ 216,00
Assine Agora porR$ 172,80R$ 302,40R$ 56,70R$ 56,70
Desconto
EconomizaR$ 43,20R$ 129,60R$ 159,30R$ 159,30
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 57,60 6x R$ 50,40
Assinando agora você GANHA também CHAVEIRO PORTA COPOS
Airbus, Nova Rival da Embraer

Alguns valores poderão variar dependendo da cotação do dólar

Receba o boletim AERO Magazine

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas