Aviação Comercial

A380 passa por Check 3C

Emirates conclui revisão no seu primeiro A380

Da redação em 27 de Novembro de 2014 às 00:00

No início do mês a Emirates Airline concluiu o primeiro Check 3C num Airbus A380, a manutenção mais extensa já realizada no modelo até o momento.

O primeiro exemplar a parar para revisão 3C foi o A6-EDA, o primeiro A380 a integrar a frota da empresa, tendo sido entregue em junho de 2008. Até a parada para revisão o avião acumulava aproximadamente 20 milhões de quilômetros voados, o equivalente a 27 viagens de ida e volta até a Lua. Em pouco mais de 6 anos o avião realizou mais de 3.000 pousos e decolagens, tendo transportado 1,2 milhão de passageiros.

O processo levou 55 dias, exigindo duas equipes de técnicos e engenheiros que foram responsáveis por retirar, revisar e remontar a maior parte dos sistemas do avião.

"Toda a verificação foi meticulosamente planejada, sem margem para atrasos. Parar uma aeronave durante um período tão longo é uma despesa enorme. Isso significa que as nossas equipes de engenharia não só deveriam trabalhar de forma extremamente eficiente, mas também entregar um serviço de superior", disse Colin Disspain, vice-presidente de Engenharia da Emirates.

Foram necessários 12 dias para desmontar mais de 1.600 partes, incluindo 475 assentos da classe econômica e da executiva, 14 suítes de primeira classe, 2 bares, 2 chuveiros, piso, motores, sistemas diversos e partes da cabine de comando.

Segundo a empresa a fase mais complexa foi a retirada dos motores, que além do grande porte, necessitavam o uso de equipamentos especiais e exigiam perícia extrema no manuseio. Além disso, os trabalhos se tornaram mais complexos devido a substituição de partes do motor, o que se tornou uma exigência devido ao modelo operacional da Emirates.

"Em Dubai operamos aeronaves em algumas das condições mais difíceis do mundo, incluindo temperaturas elevadas e um ambiente de areia. Isso requer ampliar os padrões de manutenção para atender a nossa situação específica", destacou Disspain “Por exemplo, peças muitas vezes precisam ser trocadas em vez de apenas limpas, a fim de alcançar o nosso alto nível de qualidade e precisão”.

Foram necessárias duas semanas para a remontagem completa do modelo, que foi concluído com um rigoroso voo de teste.

"O avião foi totalmente reformado durante o Check 3C. Nós o devolvemos tal como originalmente saiu da fábrica", conclui Disspain.

 

 


Notícias


Airbus, Nova Rival da Embraer

Assine

Impressa
1 ano
Impressa
2 anos
PDF/Android
1 ano
iPad/iPhone
1 ano

Assine InnerImpressaImpressaPDF/AndroidiPad/iPhone
1 ano2 anos1 ano1 ano
Edições12241212
Comprando Avulso você pagariaR$ 216,00R$ 432,00R$ 216,00R$ 216,00
Assine Agora porR$ 172,80R$ 302,40R$ 56,70R$ 56,70
Desconto
EconomizaR$ 43,20R$ 129,60R$ 159,30R$ 159,30
Parcelado sem juros no cartão de crédito 3x R$ 57,60 6x R$ 50,40
Assinando agora você GANHA também CHAVEIRO PORTA COPOS
Airbus, Nova Rival da Embraer

Alguns valores poderão variar dependendo da cotação do dólar

Receba o boletim AERO Magazine

Receba no seu email grátis destaques de conteúdo e promoções exclusivas